Sábado, 28 de Abril de 2007

...

Hoje, as 21h30, não percam! Luciana Abreu na semi-final de Dança Comigo!

 

 

 

img234/3112/tvch504212141030150001ud8.jpg

publicado por Mia às 15:37

link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

A história...

História


Flor Valente Rebello de Andrade é uma rapariga extraordinária. Sempre acreditou em fadas. Que elas não só existem como nos protegem e estão lá, nos momentos mais difíceis, para nos ajudar. Mas os últimos tempos têm sido particularmente difíceis para Flor. Perdeu o amor da sua vida e vai ter de lidar com as malvadas bruxas Delfina e Magda que regressaram à mansão Fritzenwalden para “tomar posse” dos seus bens.
Para Delfina, os bens incluem todos os irmãos do Frederico. E quanto mais longe estiverem, melhor. Por isso, a sua primeira medida é mandar os mais novos, Tomás e Martim, para um terrível colégio interno. Com o poder de tutela do seu lado, as bruxas não se coíbem de maltratar toda a gente. Mas Flor nunca desiste de enfrentá-las. É na sequência de uma escaramuça com Magda, que inunda a rua do cabeleireiro de espuma, causando o caos na Travessa dos Beijos.
É nesse momento, no meio da espuma, que Flor conhece Máximo Augusto Calderón de la Hoya, conde de Kricoragán, o homem a quem Frederico salvou a vida no dia em que morreu. Máximo não se recorda de nada do que fez nas últimas duas horas. Desmaiou enquanto tentava prender o assassino do Frederico Fritzenwalden e, quando volta a si, está noutro sítio, nos braços de Flor, encharcado em espuma. Nenhum dos dois sabe quem é o outro, mas o impacto é imediato. Apesar dessa atracção inicial depressa se transformar numa zanga, já está a nascer entre os dois um sentimento mais forte que tudo, do qual ambos vão tentar fugir, sem êxito.


O que Flor ainda não sabe é que a sua relação com Máximo foi planeada no Céu. Na verdade, Deus concedeu a Frederico que um “sopro” do seu espírito permaneça no corpo do conde, dizendo-lhe que Máximo tem a força e a coragem que a ele lhe faltaram para enfrentar a maldade e proteger Flor e os seus irmãos. Em contrapartida, o “sopro do espírito” de Frederico ajudará Máximo a sentir e a amar, a sua grande falha. É assim que Frederico faz o conde assinar um documento, assumindo a tutela dos irmãos Fritzenwalden. Sem saber como nem porquê, o Conde depara-se com uma família a seu cargo, uma casa e um monte de responsabilidades, das quais só quer fugir!
Máximo só quer continuar com a sua tranquila vida de solteiro, mulherengo e conquistador. Tomar conta de cinco órfãos não está nos seus planos. Nem consegue acreditar no que ouve. Os irmãos Fritzenwalden muito menos. Em especial Afonso, que não perdoa a Máximo ele ser o responsável pela morte de Frederico. Para Afonso, Máximo só está interessado no dinheiro da família. Mas a lei impõe que Máximo cumpra as suas obrigações e, depois de muitas peripécias, o conde acaba por se mudar lá para casa.

 



Flor não reage bem à chegada de Máximo. O seu estilo de vida é completamente o contrário do que ela esperava de um príncipe. Máximo é machista, mulherengo, “bom vivant”, despreza o trabalho e as responsabilidades. Mas Flor não consegue deixar de sentir “algo” impossível de compreender. Começa por inexplicáveis “descargas eléctricas” que se produzem quando os dois se tocam… E transforma-se num afecto que ela se nega a admitir. Por seu lado, Máximo também não percebe o que se passa consigo. Sente premonições, coisa que nunca teve na vida, tem estranhos momentos de déjà vu e sente um carinho inexplicável pelos miúdos. Evaristo, o seu mordomo e homem de confiança de sempre, anda seriamente preocupado com a sua saúde mental.

Flor descobre que o pai lhe deixou em testamento cinquenta por cento dos seus bens. Delfina e Magda fazem de tudo para impedir que ela receba esse dinheiro. Só não contavam com a perspicácia do falecido Adolfo Rebello de Andrade, que redigiu um testamento “à prova de bruxarias”. O que está escrito vai deixar todas surpreendidas…


Apesar dos contratempos, Flor não perde o seu bom humor e a sua alegria. Decide refazer a banda de música, mas desta vez com a intenção de ajudar as pessoas. Os Floribella vão cantar a colégios e a hospitais, vão ajudar pessoas em perigo, atenuando a tristeza delas com a música e a alegria de Flor. A força de Flor vai acabar também por ter um “efeito colateral” – seduzir Lourenço e trazer ao de cima o melhor que ele tem.

Mas não vai ser fácil… Burlão e vigarista de profissão, Lourenço foi o primeiro marido de Delfina. Como ela pensava que o casamento não era válido e nunca houve um divórcio, Delfina cometeu o crime de bigamia. Na verdade, o seu casamento com Frederico não é válido. Lourenço guarda este segredo, a troco de partilhar com ela a fortuna Fritzenwalden.
Nos planos de Lourenço também consta ficar com o dinheiro de Máximo, de quem agora é secretário particular, fingindo ser um militar paralítico na reforma, e com aquele que Flor possa vir a herdar. Inteligente e mentiroso é muito diferente de Delfina, pois tem um coração de criança travessa, e será assim até ao final. Um coração que, contra todas as suas estratégias, comove-se com Flor. Lourenço acaba perdidamente apaixonado por ela e disposto a fazer tudo o que tiver ao seu alcance para conquistá-la.

 



É assim que nasce o acordo entre Lourenço e Delfina: Ele tem de seduzir Flor, enquanto Delfina conquista o conde e o convence a casar-se com ela. A ideia de se transformar em “condessa” agrada-lhe e, uma vez mais, a bruxa júnior conta com o apoio da mamã, que aspira a ser “rainha mãe”. O quarto elemento deste grupo de criminosos é Araújo, um espertalhão com alguns conhecimentos de medicina e farmácia, que se aproximou das bruxas quando estas precisaram de assessoria durante “a doença mortal” de Delfina. Depois do casamento religioso com Magda, Araújo aspira agora a ter “o papelinho” que o transforme no marido de Magda perante a lei, para poder então ficar com uma parte da herança “Rebello de Andrade”. Na verdade, Araújo tem alma de adolescente. Adora gomas, filmes de terror e livros policiais e às vezes sente empatia pelos miúdos. Tem medo de cobras e falta de jeito para o crime. Em geral, os planos correm-lhe mal, mas como tem um sentido de humor corrosivo e não se cansa de mimar Magda, ela acaba sempre por o desculpar.
O que nenhum dos quatro imagina é que Flor acabará por reconhecer o “sopro” de Frederico no Conde e compreenderá que o amor verdadeiro é mais poderoso que o corpo ou o espírito. E como ainda existem contos de fadas, Floribella vai ter uma segunda oportunidade de ter um final feliz.

publicado por Mia às 15:35

link do post | comentar | favorito

Videoclipe e letra da Música Corações ao Vento

Aqui está o videoclip da linda e mexida música Corações ao Vento:

 

in Floribella Online

 

Aqui está a letra de duas novas músicas da 2ª temporada:

 

1 - Corações ao Vento

Uma história, a tua história
Um sorriso, o teu sorriso
Um amor que nos envolve na mesma canção
Já chegou a primavera, tens o sonho à tua espera
Entra comigo na festa, vou-te dar o meu coração

Quando a Flor chega, a magia e ilumina o teu dia
Toda a gente ganha asas, e comigo quer voar
Com a Flor não há tristeza, tu serás uma princesa
Toda a gente vem para a festa, e ninguém vai querer faltar


Refrão:

Vem, Vem, Vem, Vem dançar com a gente
Vem, Vem, Vem, quero ver-te contente
Vem, Vem, Vem, vem sentir a batida
E festejar... a VIDA!
Quem, quem, quem for para sempre criança
É alguém, 'guém, 'guém que não esquece esta dança
Vem, Vem, Vem que a Flor está contigo
E vai-te dar o coração
E vai-te dar o coração
Eu vou-te dar o coração!



O teu sonho é o meu sonho
O meu mundo é o teu mundo
Anda daí vem comigo, canta esta canção
Não podes ficar parado
Tu és o meu convidado
Pois quando a Flor está contigo
Bate mais o coração...

No mundo da Floribella
Toda a gente se diverte
Aqui ninguém fica de fora
Desta onda de paixão
Pois a vida é uma festa
Com a porta sempre aberta
Se mantens o teu sorriso
Eu vou-te dar o meu coração...


Refrão repete 2X

 

 

3 - Sem Ti
Tu sempre foste um sonho
Tu foste fantasia
Sem ti o tempo custa a passar
Cada hora é um dia
Tu foste o meu silêncio
A voz que eu não ouvia
Numa canção que eu quis inventar
Tu foste a melodia.
 
Refrão:
 
Eu quero um beijo um abraço
Mas ninguém
Me cura a tua ausência
Pois só o teu amor me faz tão bem
Tu és a minha essência
Tu és o meu passado
Tu és o meu futuro
Tu és a luz que o dia faz brilhar,
Sem ti vivo no escuro.
 
 
Diz-me quem fui, quem foi
Olha para mim e diz
Que o nosso amor agora acabou
Que não te fiz feliz
Tu foste o meu silêncio
A voz que não ouvia
Numa canção que eu quis inventar
Tu foste a melodia.
 
Refrão 2x
 

 

publicado por Mia às 15:29

link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 26 de Abril de 2007

Entrevista

Foi a um Sábado, no intervalo das gravações de Floribella 2, após o almoço, que a protagonista da SIC falou à TV Guia.

Como o dia estava quente, Luciana Abreu sugeriu que a conversa decorresse ao Sol e sobre o chão de cimento. Fazia sentido porque a actriz desta entrevista confessional, mesmo vestida de princesa, tem os pés assentes na terra, não esconde a mágoa da fama ser diferente do que pensava e garante estar longe de ser rica. Mais do que diz, eis o que Luciana deixa subentender…

 

 

Como está a correr o regresso às gravações de Floribella?

Está a ser óptimo. Voltámos a gravar ao mesmo ritmo, são as doze horas por dia na mesma. É muito trabalho.

 

Que aspectos desta série mais gosta?

A Flor está mais madura. O coração dela não muda, as responsabilidades é que são maiores e fazem-na mais crescida. A preocupação com os meninos é a mesma, cada vez se vai dar pior com a Delfina e com a Magda, mas vai-lhes fazer frente. Com o Máximo (Ricardo Pereira) é cão e gato.

 

Gosta da nova imagem?

Adoro. Agora uso babylise no cabelo, a maquilhagem é mais carregada e uso eyeliner. As roupas são com rendinhas, gangas com fitinhas e os ténis são muito mais giros também. Esta nova imagem dá imensa força à minha personagem.

 

Como está a ser o entendimento com Ricardo Pereira?

Estamos a dar-nos bem, cada vez melhor. Ainda estamos a conhecer-nos e foi difícil gravar as primeiras cenas porque nunca tinha contracenado com ele.

 

É desta que a Flor vai ter um final feliz?

Já ouvi dizer isso… (risos) Esta novela é muito cómica, tem cores brutais e as pessoas vão adorar. Gosto mais desta série do que da anterior, o CD está magnífico. Espero que seja um ano em grande, se Deus quiser! Tenho fé.

 

Depois de Floribella, como vai ficar a sua imagem?

Como não cheguei lá, não posso responder.

 

Como gostava que os outros a vissem?

Como me vêem. O que me tranquiliza é que as pessoas sabem que sou a Luciana Abreu.

 

Há confusão entre a Flor e a Luciana...

Flor tem coisas que eu também tenho, a maneira de ser. Mas também são diferentes.

 

Na peça de teatro Cabaret Carioca aparecia sensual. Afinal, é ousada?

Como actriz sou o que tiver que ser. Sou do signo de Gémeos, o que explica muita coisa. Foi uma experiência muito boa, foi a primeira vez que fui protagonista de uma peça.

 

Mas o que tem a Luciana Abreu a mais do que a Flor?

A Luciana é uma menina que já sofreu, já passou bastante na vida, teve de amadurecer mais rápido do que o normal. É lutadora e boa pessoa porque tenta fazer o bem a todos, mesmo que lhe façam mal (fica com os olhos marejados). E não desiste nunca.

 

Olha para o passado com lágrimas?

Com tristeza e por me lembrar das pessoas más que há no Mundo, do que são capazes para prejudicar os outros. Às vezes, converso com Deus e digo: “Que mal é que fiz a esta gente para me tratarem assim e me fazerem mal?” Mas este ano é uma fase nova e a Luciana de hoje tem o dobro da força.

 

Sente a pressão dos resultados?

Sinto e também me imponho isso. Na série passada comecei a ficar tão cansada que cheguei a um extremo e deixei-me ir abaixo.

 

Como vai combater isso agora?

Agora já sei o que me espera, já tirei a lição de erros que possa ter cometido.

 

Vai ter mais vida pessoal?

Vou exigir isso de mim agora. Embora não saia à noite, tenho que ter tempo para mim, coisa que não tinha. Tenho que descansar, mas também tenho que sair, dar um passeio, ver o Mundo. Não me posso fechar entre quatro paredes só porque meti na cabeça que tenho que repousar. Como só tenho a noite de Sábado e o Domingo, sento que nesse dia à tarde já estou com os textos da novela na mão para Segunda-Feira, tento fazer coisas que me deixem feliz.

 

Como reage às declarações de que Luciana não é uma estrela SIC, embora esteja na grelha com regularidade?

Não vou comentar. Foi, com certeza, um mal-entendido da parte da Imprensa ou não sei…

 

Falava-se de estrelas SIC e foi perguntado se Luciana era uma estrela.

Podia explicar um monte de coisas, mas não vale a pena neste momento.

 

Ficou zangada?

E daí, nem sei se vos diga ou não… Dê-me um minuto, por favor. (Luciana faz um telefonema e regressa). Vou ser elegante ao ponto de não comentar. Se não foi um mal-entendido, então não sei o porquê dessa conversa, não faz sentido mediante uma série de coisas que vêm de trás. Mas não vou dizer mais.

 

Soraia Chaves é uma estrela SIC e está a estudar fora. A Luciana ainda não teve essa oportunidade. É uma vontade sua?

É uma vontade minha e vou fazer o mesmo mal tenha oportunidade.

 

img486/5406/lucytvguia2er7.jpg

 

Mas pode haver um novo projecto na SIC para si?

Se houver, talvez seja provável que aceite porque tenho uma casa para pagar. As pessoas pensam que eu estou rica, mas não estou. O dinheiro foi todo dividido… Em termos de merchandising foi zero!

 

Não recebia uma parte?

Não, não. Portanto, se houver outro projecto, talvez aceite. Mas mesmo que o faça, depois vou estudar para fora. Sinto muito essa falta.

  

Ainda tem o 11º ano por completar?

Sim, tenho. Vou começar a ter aulas de inglês depois do meu dia de trabalho. Será um esforço suplementar, duas ou três vezes por semana. Na verdade, não há maior escola do que estar a contracenar com grandes actores. Tive a prática com professores de teatro, mas, mesmo assim, quero formar-me, quero aprender o máximo possível porque as pessoas, infelizmente, olham para nós de maneira diferente. Respeitam-nos mais.

 

Quando sonhava fazer uma novela, pensava que este Mundo era mais justo?

(Silêncio) Pensava.

 

Está muito magoada.

Estou mesmo muito.

 

Mas com o quê? Com o trabalho, com a SIC, com este Mundo?

Não vou explicar.

 

O que gostava de fazer após a novela?

Cinema português ou lá fora. Adorava ter a oportunidade e estou a trabalhar para isso. Como actriz – se é que eu me posso chamar de actriz, porque não tenho curso – sinto que amadureci muito e que aprendi. Por exemplo, faço uma cena e vou à régie ver se ficou tudo bem feito e não largo o realizador enquanto ele não me disser se está bem ou não.

 

E em casa, vê a Floribella?

Nem sempre. Às vezes saio dos estúdios tão tarde que chego a casa e já está no fim. Não trabalhava só 12 horas, eram mais. Cheguei a trabalhar 19 horas… seguidas.

 

Está mais inflexível?

Estou a mesma, o meu coração também mudou. Mas cresci muito e aprendi com os meus problemas de saúde. Acabou-se!

 

Reviram-lhe o salário em Floribella?

Por uma questão de ética não vou comentar. Comprometi-me com o sigilo absoluto.

 

Falou-se do namoro com o Mickael Carreira. É verdade?

Conheci o Mickael nos Globos de Ouro do ano passado. Sou colega, amiga e falo com ele quando nos cruzamos no trabalho. Mais do que isso não. Meu Deus… Mickael Carreira, Diogo Amaral. Quem foi mais?

 

João Paulo Rodrigues?

Foi uma paixão, foi o meu namorado. Mas nunca fui muito de namorar, mesmo na escola. Não ia muito para aí, dedicava-se mais à bola, joguei futsal durante dois anos.

 

Agora, está só?

Estou só.

 

Casamento está nos planos?

Está, pois. Quero casar, quero ter filhos, mas antes quero adoptar. Só é pena que precise de estar casada para o fazer. Se pudesse mudava muitas leis neste País e, se calhar, é por isso que Portugal não vai para a frente. É uma tristeza. Há pessoas que têm dinheiro para ajudar crianças e o sistema prefere tê-las num orfanato, sem pais, sem ninguém.

 

Continua com Jesus Cristo na mala?

Não, fui assaltada. Agora tenho uma carteira de santinhos e a Bíblica, como sempre tive. Agora o “JC”, foi-se… tanto viajou comigo… Fiquei tão triste, até chorei! Tinha tanto significado, ajudou-me a ultrapassar muitos maus momentos da minha infância…

 

Como estão as relações com o seu pai?

Não é o momento certo, em breve falarei.

 

Na adolescência, experimentou beber, fumar um cigarro?

Não. Não tive adolescência e não me arrependo disso porque fui feliz.

 

Não tem curiosidade?

Consegui escapar, felizmente. Tudo o que passei fez-me escolher o bom caminho. Agora que sou maior de idade, tinha a oportunidade, mas respeito a minha mãe em tudo e ela recomenda-me o melhor. Mas como não gosto e acho errado… Também tenho que dar o exemplo, porque as crianças prestam muita atenção ao que eu faço e isso dá-me uma alegria enorme.

 

Faz dieta?

Nunca fiz, como muito mas não engordo. O que me safa são os doces para não ficar um palitinho! (risos)

 

O que representou o Globo de Ouro?

Fiquei felicíssima. Sempre sonhei ter um Globo de Ouro!

 

Onde está guardado?

Está entre os meus santinhos. Tenho um altarzinho em casa e o Globo está lá.

 

 

in TV Guia

in Floribella Online

publicado por Mia às 10:23

link do post | comentar | favorito
Domingo, 22 de Abril de 2007

Floribella 2!

Oláaa!

 

Finalmente a Floribella voltoouu!!!!!!!!!!Viva!

 

A nova música é super colorida e alegre, a mim pos-me logo bem-disposta e feliz e a cantaaar!

 

Ainda não parei de trautear o " Corações a Vento"!

 

Adoro o novo visual dela, está super liindo!  A Floribella regressou para ainda melhor...

 

Deixo-vos aqui o genérico e a canção ao vivo no Contacto!

 

 

 

_________________________________________________________________________

 

Nuno Graciano, co-apresentador do talk-show vespertino da SIC, «Contacto», vai fazer uma participação especial nos primeiros episódios da segunda temporada de «Floribella».

O par de Rita Ferro Rodrigues no programa líder das tardes interpreta um fidalgo e interage com os protagonistas da história, Flor e Conde Máximo. Esta aparição do tio careca, como é chamado na Comunicassom, está integrada nas cenas do segundo capítulo, previsto ir para o ar na segunda-feira, dia 23 de Abril.

Esta não é a primeira participação de uma cara da SIC na novela infanto-juvenil. Rita Ferro Rodrigues, por exemplo, fez também uma perninha na história adaptada da argentina «Floricienta». Contudo, a duração do papel especial da apresentadora foi maior do que a do seu colega de programa.

Depois de, durante meses, promover a novela no «Contacto», Graciano experimenta como é estar do outro lado. Entretanto o Espaço Floribella continua ininterruptamente nas tardes da SIC.

In TeleviZoom

sinto-me: Super Feliiz!
música: Corações ao Vento
publicado por Mia às 20:14

link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito
Segunda-feira, 9 de Abril de 2007

De regressoo!

Olá amiguiinhos! Voltei, para ficaar!

 

     Eu tive a pensar um bocadinho e afastar-me também um bocadinho da Floribeella para não enjoar. Vocês sabem como é, eu não queria ficar como aquelas pessoas que detestamm a Floribella e queria continuar a fazer parte deste maravilhoso mundo de sonho.

 

       Em breve o blog terá um novo visual para conbinar com a 2ª temporarada.

 

.      Digo-vos já, para quem ainda não sabe que a 2ª temporada começa dia 20 de Abril, ao contrário do que muitos blogs e outras fontes de informação diziam. E a segunda temporada será exibida as 19h00.

 

   

A estreia da nova temporada da novela juvenil está marcada para o dia 20 de Abril (sexta) às 19h numa versão mais curta, "esta série é mais pequena do que a primeira e vai ter 215 episódios. No futuro imediato é o maior trunfo", disse Penim.

Apartir de dia 14 de Abril, Luciana Abreu, a "Flor" vai estar em diversas localidades a comunicar a data do regresso e revelar algumas das surpresas da trama. Será uma campanha de relançamento da novela juvenil que ocorrerá durante seis dias.

Uma das grandes novidades da nova temporada da novela será a mudança de visual de Luciana Abreu e a entrada de novas personagens na trama.

 

Fonte: Novidades da TV


     Ela está a chegaar!

publicado por Mia às 14:59

link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Calendário

.posts recentes

. SuPeR-MÃe

. ...

. A história...

. Videoclipe e letra da Mús...

. Entrevista

. Floribella 2!

. De regressoo!

. Encerro ou não?

. O novo Príncipe:

. Voltámos a falar com Flo...

.arquivos

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

.tags

. todas as tags

.Relógio!!!!

Portal floribella
-

.Opinião

.A música!

.LINK ME!

:: LINK-ME ::


Para copiarem o codigo passem com o rato por cima do código e carreguem em CTRL e também em: c Depois colem no vosso blog!

.site oficial da sic floribella!

.subscrever feeds